Este site usa cookies. Ao continuar a navegar no site, você concorda com o uso de cookies, mas também pode gerenciar as preferências.

Escola Comunitária de Tokyo

  • BenQ
  • 2017-11-08
Tokyo Community School avança para um pensamento crítico e interativo através da tecnologia.
Visão Geral
Apresentação

A Escola Comunitária de Tokyo precisava incorporar tecnologia em suas salas de aula. A tecnologia não só melhora a experiência, como também facilita a aprendizagem dos alunos. Infelizmente, os quadros interativos que a equipe havia testado foram insatisfatórios e deixaram muito a desejar. Além disso, a maioria era incompatível com a linha de produtos da Apple, o que representava um problema, tanto para a equipe quanto para os alunos que usavam exclusivamente produtos da Apple.

Solução

Para garantir que a Tokyo Community School tivesse a tecnologia correta, a BenQ forneceu uma demonstração de seu projetor interativo. A lente de Ultra-Curta Distância significava que uma imagem grande, nítida e clara poderia ser projetada em salas com espaço limitado. Ao contrário das lousas interativas com as quais a escola havia trabalhado anteriormente, o projetor interativo foi fácil de se trabalhar e muito rápido de se configurar, apenas 1 segundo. Significativamente mais rápido e simples que a calibração das antigas lousas interativas.

Resultado

A Tokyo Community School escolheu o projetor BenQ MW853UST e o módulo PW01U PointWrite™ com duas canetas. Com esses itens, os professores da escola conseguiram fazer tudo que imaginavam fazer com essa tecnologia. Talvez, mais importante que isso, os alunos amaram usar o novo equipamento.

Breve Descritivo

Segmento

Educação

 

Ano de Conclusão

2014

 

Projeto

Equipar a escola com uma solução interativa para apoiar os alunos e criar um ambiente divertido para aprendizado.

 

BenQ Solution Used

PointWrite™ Solution Package:

  • MW853UST Interactive Projector
  • PW01U PointWrite™
Desafio

A Escola Comunitária de Tokyo existe desde 2004, e utiliza o método de ensino "aprendizado com base em pesquisa" estimulando os alunos a pensarem, diferente das outras escolas que esperam que os alunos apenas memorizem as informações.

Para que esses valores educacionais fossem plenamente alcançados, a escola precisava de tecnologia que pudesse capacitar as crianças. A Escola Comunitária de Tokyo havia considerado lousas interativas, porém não ficaram satisfeitos com as que tinham testado. A equipe achou o uso complicado e difícil de usar. O diretor da escola, Chikara Ichikawa, não gostou das canetas inteligentes utilizada nas lousas, ele reclamou sobre o peso e a curta duração da bateria, além disso, achou que a maioria delas não conseguia acompanhar a velocidade de sua mão. Para o Sr. Ichikawa, ele queria uma solução de sala de aula que não atrapalhasse seu trabalho, mais sim que pudesse aprimorá-lo.

Solução

O diferencial do projetor MW853UST é a sua lente de ultra-curta distância de 0,35. Com ela são necessários apenas 28 centímetros para projetar uma imagem de 80''. Com essa tecnologia de ponta, o MW853UST é ideal até mesmo para as menores salas. Assim que a BenQ demonstrou o MW853UST para a Escola Comunitária de Tokyo, a equipe, especialmente o diretor, Chikara Ichikawa, souberam que finalmente haviam encontrado a solução que estavam procurando. Como o Sr. Ichikawa escreve rápido, ele queria uma caneta capaz de acompanhá-lo. Ele encontrou isso em conjunto com o módulo PW01U PointWrite™. A caneta é leve, capaz de exibir todo o conteúdo que o Sr. Ichikawa escreve em tempo real e possui uma longa duranção de bateria. Com uma única carga, a caneta pode ser usada em várias salas de aula, todos os dias, durante toda a semana.

A Escola Comunitária de Tokyo acredita que seus alunos são importantes, e a melhor maneira de reconhecê-los é demonstrar a suas idéias para os outros alunos. Com o MW853UST, um instrutor pode escrever rapidamente o que o aluno está dizendo e exibi-lo na parede. Em seguida, esses dados podem ser armazenados para uso futuro para que os alunos possam revê-lo a qualquer momento. Esta solução de software elegante reduz o tempo de tomar notas, o que não só reduz o tempo de inatividade geral na sala de aula, mas também melhora a experiência de aprendizagem.

Resultado

Desde o momento em que a BenQ terminou a demonstração, a Escola Comunitária de Tokyo percebeu que o projetor MW853UST e o módulo PointWrite™ eram a solução perfeita para suas salas de aula com um custo inferior as lousas interativas. Além disso, com 3200 ANSI lumens, o projetor seria brilhante o suficiente para as salas, que possuem muitas janelas e luz natural. A preocupação de que a projeção iria desaparecer perante a luz natural foi rapidamente esquecida quando a equipe viu o projetor em ação.

Para começar, a lente de ultra-curta distância tornou possível projetar grandes imagens em salas pequenas. Para o Sr. Ichikawa, a caneta também foi um fator importante na sua decisão, seu peso leve, fácil calibração, bateria de longa duração e o baixíssimo tempo de resposta fez a diferença perante os concorrentes. Ele chegou a considerá-la como seu novo acessório favorito. Na Escola Comunitária de Tokyo, grande parte da equipe e muitos alunos utilizam produtos da Apple, como iPads, MacBooks e até mesmo AppleTV. Tornou-se evidente que a compatibilidade com esses dispositivos era essencial. Porém, o MW853UST tinha total compatibilidade com produtos Apple - um recurso que nenhum dos concorrentes poderia contestar. A Escola Comunitária de Tokyo realiza um projeto de "salas abertas", e incentivou aqueles que procuram soluções em TI a participarem da aula para ver os produtos BenQ em primeira mão.